Estratégia de Conteúdo: Não É Tão Complicado Assim!

content strategy

Estratégia de Conteúdo: Não É Tão Complicado Assim!

estratégia de conteúdo


Quando olhamos para estas estatísticas, torna-se evidente que qualquer negócio deve ter uma presença online. E se não tiver, está a perder uma grande oportunidade, passando despercebido à maioria das pessoas e de potenciais clientes.

No meu post anterior, revelei por que razões o conteúdo é um bem essencial para o crescimento e o sucesso de uma empresa.

Compreender a lógica, é fácil. O desafio está em planear uma estratégia de conteúdo que vá ao encontro de todas as vertentes e produza os resultados esperados, tais como gerar novos leads, criar uma relação de confiança e credibilidade ou divulgar a marca.

A não ser que faça parte da família Kardashian, precisa de uma estratégia de conteúdo para colocar a sua empresa no mapa digital. Muitos consideram que criar uma estratégia de conteúdo é uma tarefa assustadora. Muito pelo contrário!


Compreender Estratégia de Conteúdo

Desde que comecei a trabalhar na área de marketing de conteúdos, apercebi-me que é muito mais do que escrever posts para o blog e partilhar imagens e vídeos nas páginas do LinkedIn, Facebook e Instagram.

É preciso definir uma ESTRATÉGIA: temos de saber quais são os objectivos do conteúdo que vamos criar e para quem, e pensar na melhor forma de alcançar ambos, quer os os objectivos da empresa, quer o público-alvo, com um impacto global positivo para o negócio.

De facto, criar conteúdo sem uma estratégia gera na maioria das vezes conteúdos genéricos, sem temática nem propósito. O público-alvo fica confuso e não se sente envolvido e a credibilidade da marca é prejudicada. Como resultado, o esforço de criar conteúdo não produz o impacto desejado.

Para tornar o conceito mais prático, pense na sua estratégia de conteúdo como se fosse uma van de street food gourmet: faz sobressair a sua comida (conteúdo) da comida genérica de outros restaurantes (concorrência) e chega a potenciais clientes nos lugares e horas mais apropriados, facilitando o acesso a uma deliciosa refeição quando a fome aperta (resolve um problema), e como a experiência foi boa, os seus clientes repetem a experiência e tornam-se embaixadores da marca, recomendando-a a toda a gente (reputação, divulgação da marca, novos leads, novas vendas).
 

estratégia de conteúdo


Não Se Perca No Caminho

Quer ter a sua própria van de street food, mas não sabe por onde começar? Existe uma variedade enorme de recursos online, desde guias completos a vídeos e artigos sobre como planear uma estratégia de conteúdo.

Mas, se for um pouco como eu, é fácil perder-se entre tanta informação sobre personas, SEO, análise de dados, auditorias de conteúdo, etc. Fica-se um pouco confusos e quase parece que são necessárias competências extraordinárias para criar uma estratégia de conteúdo.

Numa das minhas pesquisas online, encontrei um artigo muito interessante da autoria de Isla Mcketta que aplica elementos de técnica narrativa ao processo de criação de uma estratégia de conteúdos. 

Se olharmos para o processo como se fosse para escrever uma história de amor, por exemplo, deixa de ser tão complexo e intimidante: quem é a pessoa ideal que mais facilmente se apaixonaria pela nossa marca? Que tipo de conteúdo irá chamar a atenção dessa pessoa? Quais são os receios, as preocupações dessa pessoa, que possamos abordar nos nossos artigos para ajudá-la a ultrapassá-los e assim conquistá-la? Quem são os nossos rivais (e o que podemos fazer para os neutralizar)? 

Se gostou desta abordagem narrativa, a autora criou um modelo que lhe poderá ser útil para começar a pesquisar e a estruturar a sua própria estratégia.


Conclusão: É importante perceber de que forma a estratégia de conteúdo poderá ser integrada na sua empresa e manter uma abordagem o mais simples possível, para que fique claro qual é o tipo de conteúdo que faz mais sentido para o vosso público e os vossos objectivos e que potenciais clientes percebam quem são, o que fazem e como poderão ajudá-los. Não é tão complicado assim!