Criar Um Website: As 5 Coisas Que Precisa Saber

5 things to build a website

Criar Um Website: As 5 Coisas Que Precisa Saber

Querer criar um website pode por vezes comparar-se a querer construir uma casa: temos a visão da nossa casa de sonho, da sua localização ideal, da quantidade de divisões que deverá ter... no entanto, não sabemos por onde começar. Existe tanta informação, uma variedade enorme de termos e possibilidades, e não perceber exactamente como tudo é construído pode tornar este processo angustiante e até um pouco assustador.

Mas não há motivo para desespero. No fundo, apenas é necessário saber 5 coisas para começar a criar um website:


 

Purpose of the website1 - Objectivo

Este ponto é o mais importante de todos. O que se define como objectivo irá influenciar todos os restantes elementos do site ou da plataforma a criar: Será para vender um produto ou serviço? Para partilhar trabalho e atrair mais clientes? Para promover um evento ou instituição? Para educar sobre um assunto ou para criar uma comunidade à volta do mesmo?

A resposta final poderá obviamente ser uma combinação de diferentes objectivos, mas, sobretudo, é importante ser capaz de responder à seguinte questão: Qual é a definição de sucesso deste website?

Dependendo da resposta, a solução poderá passar por um website de comércio eletrónico, um dashboard interno, um portfolio online, uma rede social ou um fórum, uma plataforma fintech, um simples website estático, ou, novamente, uma combinação de algumas destas opções.

 

 

Know what design you want for your website2 - Design

Depois de definir o(s) objectivo(s) do website, é importante ter uma ideia da aparência e das funcionalidades pretendidas para orientar o designer ou a agência na fase de criação e desenvolvimento. Nesta etapa, ajuda pensar nos seguintes aspectos:
 

  • Público-alvo: o público atual e/ou o público que se pretende conquistar. Quais são as suas características? São maioritariamente homens ou mulheres, crianças ou adultos, formais ou informais e, principalmente, quais as razões que os levam a visitar/utilizar o website?

  • Na identidade/marca: se a identidade já existir, é importante pensar na sua missão, visão e o que a diferencia. Se ainda não existe ou se precisa de ajustes, isso também não é motivo para preocupação: os projetos de criação de uma identidade/marca e de criação de um website, podem perfeitamente decorrer em paralelo.

  • Principais funcionalidades: para além de conteúdo estático, que tipo de funcionalidades serão necessárias no website? Um carrinho de compras, um formulário de contacto, uma página de notícias, uma galeria de fotos - as possibilidades são infinitas. Neste ponto é essencial regressar sempre ao objectivo(s) definido(s) inicialmente e perceber se as funcionalidades que quer adicionar nos vão ajudar a atingir esse objectivo.

  • E referências: por vezes é mais fácil explicar o que se pretende mostrando o que se adora (e até mesmo o que se odeia). Referências são sites onde o design e a experiência correspondem exatamente (ou estão próximos) ao que é pretendido.


 

Content3 - Conteúdo

Um website bonito e funcional não é nada sem conteúdo relevante - o conteúdo é rei! Textos, imagens, vídeos, infografias ou outros dados serão o que irá comunicar a mensagem que se pretende passar ao público-alvo desejado. Também aqui, é importante prestar atenção a alguns aspectos:
 

  • O tipo de conteúdo: que tipo de conteúdo é necessário ter ou criar para que o site, por um lado, atinja os seus objectivos e por outro, tenha a aparência (design) desejado? Esse conteúdo já existe (o que poderá influenciar o design do site) ou é necessário cria-lo de raiz?

  • A gestão do conteúdo: também é preciso ter em conta a forma como o conteúdo irá ser criado e gerido. Idealmente é preciso encontrar um equilíbrio entre o conteúdo que se quer criar e partilhar e os recursos disponíveis para o fazer. Existem várias ferramentas eficientes de gestão de conteúdos, entre as quais o Wordpress e o Drupal.

  • Relevância: uma vez definido o tipo de conteúdo e a ferramenta de gestão, há que considerar a capacidade de atenção dos utilizadores de internet. Os utilizadores de Internet consomem diariamente grandes quantidades de informação, pelo que o conteúdo apresentado terá de ser capaz de captar a sua atenção e ser relevante.

 

Budget Website4 - Orçamento e Prazo

Como em qualquer projeto, orçamento e prazo são dois factores delicados que devem ser tomados em consideração.

De preferência, ambos vão de encontro às expectativas, mas nem sempre é fácil perceber quanto custa um website e quanto tempo vai demorar a ser criado. Para responder a esta questão, o melhor será mesmo passar ao último ponto - número 5. 

 

 

5 - Quebrar o "gelo"

Quando se quer construir uma casa, contacta-se um arquitecto ou um engenheiro civil. Quando se quer construir um website é necessário contactar uma agência de webdesign. Entre em contacto com a nossa equipa por telefone, email ou visite-nos para dois dedos de conversa e um café (ou um chá com mel). Partilhe o seu sonho, exponha as suas dúvidas e questões, sem receios.

O nosso objectivo é encontrar uma solução que seja adequada e inclua todos os aspectos referidos neste post. Aqui na Omibee não fornecemos apenas serviços - gostamos de colaborar, partilhar conhecimento e discutir ideias.